AND THE WINNER IS…

» Públicado por em fev 4, 2013 | 46 comentários

 

vídeo: Neon Digital Mídia

 fotos: Luis Ferreira

_____________________

Por uma dessas coincidências da vida o cidadão do mundo Edson Athayde (comigo na foto acima) chegou ao Rio de Janeiro no dia em que saiu o resultado do I Concurso Nacional de Roteiros. Mal desembarcou deu uma olhada aqui no site e viu que  ele e seu parceiro Roger Gual tinham sido os grandes vencedores com “Moeda de Troca”, um texto que mereceu a unanimidade dos jurados. Brasileiro de Nova Iguaçu, cidadão português, mad man famoso – é uma das estrelas da publicidade em Portugal, com nada menos que sete Leões de Ouro (o Oscar da propaganda) abiscoitados em Cannes -, Athayde tirou um ano sabático para estudar a arte e a técnica de roteiro em Los Angeles, e já começa na profissão tendo o seu roteiro de estréia premiado. Ainda não nos conhecíamos, e só nos encontramos pessoalmente em Lisboa, durante a entrevista abaixo, feita no meu restaurante Brasileiríssimo, durante a qual ele nos falou de sua vida movimentadíssima, de como largou tudo para se dedicar à profissão de roteirista – sua primeira opção de trabalho, ainda na infância – e disse que estará presente à entrega do prêmio, no dia 15 de março, ele e seu parceiro Roger Gual, que também já confirmou a presença por e-mail. Ah sim: lembram-se do Tou Xim!, aquele vídeo misterioso que eu postei aqui no dia em que publiquei a lista de vencedores do concurso? Ele é de autoria de Edson Athayde e lhe deu o primeiro Leão de Ouro em Cannes. Como eu sou chic, fiz a entrevista em vídeo, talvez treinando para futuros vôos na televisão a cabo… minha sempre querida Marília Gabriela que se cuide, e mais não digo. Portanto, deliciem-se.

 

 

Antes que me esqueça: eu disse lá em cima que a entrega dos prêmios será no dia 15 de março? É isso mesmo. Quem está louco pra botar a mão na bufunfa terá que esperar mais um pouco, pois decidi que apenas entregar os prêmios seria pouco; vou dar também um luxuoso troféu a cada um e promover uma grande festa. E claro, a confecção dos troféis (como diria Giovanni Improtta) e a organização do rega-bofes com direito à presença de estrelas da televisão brasileira – ainda mais com duas semanas de carnaval no meio – levará algum tempo. Mas não se preocupem, não vou fugir com a grana, o prometido será devidamente cumprido.

46 comentários

  1. sou dramaturgo ,poeta e escritor . desde 12 anos que escrevo peças , tenho um livro para ser publicado … me da uma chanche de ir escrever um seriado , uma novela , eu tenho capacidade so me falta alguem que acredite . por favor , esse é um pedido de uma pessoa que tanto lhe adimira . me de resposta .

  2. Aguinaldo muito sua sua entrevista. Edson parabéns pela VITÓRIA!!!
    ABS
    FRANCISCO MALTA

  3. Boa demais esta entrevista com o Edson Athayde. Você esteve ótimo como entrevistador, Aguinaldo; talvez pensando em um programa em um canal pago… só se for pago, pois na Tv aberta, tendo por exemplo os apresentadores/entrevistadores que temos, você não iria longe. Não por falta de talento para tal coisa, mas por que você não atropela o entrevistado, você não quer ser o centro da entrevista, você deixa o entrevistado falar, responder ao que pergunta a ele. e isso faz com que entendamos direito a opinião da pessoa , faz com que saibamos o que ela tem a dizer em uma idáia completa, não aos pedaços, como certos apresentadores/entrevistadores nos empurram goela abaixo.
    Parabéns por esta entrevista e espero que venham muitas outras.
    O Edson diss euma coisa que é exatamente o que penso: um concurso como este deveria ser patrocinado ou feito por uma produtora de cinema ou emissora de TV.
    Inclusive você disse a ele que tem uma emissora interessada em “ler” os 10 roteiros finalistas. apesar de não ter dito qeu emissora é esta, quem lê sabe que só pode ser a Globo; li há algum tempo, que ela estaria entrando neste seguimento, de telefilmes, a exemplo de algumas grandes emissoras estrangeiras, que investem pesado neste tipo de produção.
    Sendo a Globo a interessada, quero dizer que isso é muito bom, pois assim ela abre o mercado para outros roteiristas e conforme eu mesmo já disse aqui no portal, seria super interessante que ela fizesse o mesmo com as histórias para novela, ela deveria ler as idéias de pessoas fora do meio artístico, pessoas que não são suas contratadas, isso evitaria o que vemos na Tv de hoje: novelas sem graça, sem empolgação, requentadas. Eu disse requentadas, não refilmadas, pois sou totalmente a favor de re makes, mas re makes de verdade, não histórias reescritas e mal reescritas.
    Mais uma vez parabéns pela bela iniciativa e pela bela entrevista com o vencedor.
    Seria um presente para os “Aguinaltas”, se você postasse o roteiro pra que pudéssemos ler e assim ficarmos com mais vontade de ver o filme. O nome do vendedor instiga nossa curiosidade: Moeda de Troca. Muito forte.

  4. Que bom que você o entrevistou! Eu estava curiosa por saber quem ele era. Em tempo: Parabéns pela iniciativa do prêmio; como o Edson disse, as emissoras é que seriam as principais interessadas em promover este tipo de concurso para descobrir novos talentos.

    Gabi que se cuide?!! Que se cuide mesmo!

  5. Michel Teló recebe sete indicações ao prêmio Billboard Latin Awards 2013

    A lista foi divulgada na terça-feira (5/2) e ele é o único brasileiro que recebeu indicações

    http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/diversao-e-arte/2013/02/06/interna_diversao_arte,348150/michel-telo-recebe-sete-indicacoes-ao-premio-billboard-latin-awards-2013.shtml

  6. Eike cai em ranking e agora é o 4º maior bilionário do país

    Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/economia/eike-cai-em-ranking-agora-o-4-maior-bilionario-do-pais-7506799

  7. VALE A PENA LER DE NOVO> Ganso Riad- cidadão do mundo>

    Sou um sujeito que constantemente estimula os outros a sair de onde estão e buscar uma experiência fora,uma experiência nova.

    A experiência fora não significa ir para o exterior,para fora do seu país nativo.

    Significa sair do seu mundo habitual de ‘trocas psíquicas’ e ir ao encontros de novas.

    Para crescer precisamos do outro.Precisamos trocar.Ninguém cresce sozinho.E uma troca (um aprendizado) ‘fora do habitual’ tem sempre o potencial de surpreender,é ou não é?

    Até mesmo aquele sujeito embriagado eternamente em sua ilusão narcísica,aquele que pensa que não precisa de ninguém,não avança sem o espelho (sem o outro).

    A insatisfação e a inquietude cutucam um compartimento interno da gente que nos impulsiona para o risco da mudança,da transformação e,quem sabe,do crescimento também.

    Wilfred Bion,considerado por muitos o terceiro gênio da psicanálise (após Freud e Melanie Klein),diz que dentro de nós habita um ser que suplica desesperadamente para nascer.

    Se esse ‘nascimento’ é possivel,o crescimento pode ser consequência.

    Todo esse lero lero foi pra dizer que deixei Rosário ainda menino ,com 13 anos,e fui estudar e viver em Santa Maria—->Pelotas—->Porto Alegre—>Sao Paulo—->Estados Unidos—>Porto Alegre—->Pampa Gaúcho (longo período)—–>São Paulo —->Porto Alegre.

    Em cada uma dessas estações um aprendizado,uma experiência,uma vida,uma história,um filme,uma alegria,uma dor.

    Porém, sob o ponto de vista ACADÊMICO,de aprendizado profissional,de conhecimento,nenhuma dessas paradas superou a experiência americana na UCSF,California.

    Fiquei lá quase um ano,era médico residente,mas meu status era de ”Visiting Scientist”.
    Em termos de atuação médica,minha temporada seria ”hands off”(sem tocar no paciente).

    Esse ”hands off” sutilmente foi passando para ”hands on”.

    O americano tem disso: percebe o esforço,o talento,começa a confiar em vc,brota o encantamento e… pronto!: abrem-se portas.

    Quando regressei ao Brasil era nítida e transparente,conflitante até,a diferença ‘técnica’ que havia entre eu e meus pares.

    Quando falo em pares,não me refiro aos colegas de residência da época. Refiro -me aos de cima: aos preceptores (médicos professores da residência) e aos Professores da faculdade.

    Muitos não haviam saído pra lado nenhum,a experiência deles era muito mais teórica do que prática,uma experiência regional,provinciana eu diria.

    Outros haviam saído pra fora do país pra fazer pesquisa em laboratório,em tubos de ensaio e não para trabalhar com ”hands on patients” (diretamente com o paciente,colocando a mão neles).

    É claro que estou falando nos idos de 1994/1995,portanto,há quase vinte anos.

    O que posso dizer que é a diferença na minha formação foi brutal.

    Não é por acaso que após longos 10 anos afastado da minha especialidade médica e de sua sub-especialidade (o transplante), conquistei a única vaga existente em um disputadíssimo concurso federal para trabalhar como médico assistente em um serviço de referência em transplante renal,em um hospital de excelência,ligado a uma tradicional faculdade de medicina.

    Meus colegas concorrentes no referido concurso nunca deram um tempo ou uma ‘pausinha’ de 10 anos como fiz.
    Eu disputei com essa galera estando dez anos atrás deles.

    As estações que desci durante a minha trajetória fizeram a diferença,sem sombra de dúvida,mas a estação americana fez muito mais.Isso eu não posso negar.Porque eles detinham,e detém ainda,o verdadeiro e maior conhecimento na minha área.

    Vale a pena sair.Se for para o exterior – e se esse tal exterior for referência na sua área de interesse – melhor!

    Isso é um pouquinho de mim,da minha pequenina história,dividindo com vocês.

    Parabéns Aguinaldo! Parabéns Edson Athayde! Sucesso sempre!

  8. Silvatita Silvaton el hermanito de mi corazon,tengo ganas de conocer a ti mi querido maestro.Mantega siempre tu espirito generoso y amigo.Saludos de Juan Hernadez y de su equipo de estafadores.

  9. De todas as entrevistas do Portal a que mais gosto é disparado a do Tony Ramos , realmente um ser mais evoluído que a grande maioria dos seres.
    Criatura lúcida, nada deslumbrado, apesar de ter mais talento que quase todos seus colegas de trabalho.O sucesso é uma arma a seu favor não ao contrário.
    Nota se que gosta de viver bem mas é tão natural que nada passa como arrogância, na verdade ele realmente se vê como qualquer cidadão anônimo que anda pelas ruas.E realmente é um ser como outro qualquer o que se reflete em seu trabalho de forma tão magnífica.Essa entrevista me envolve mais que qualquer oração , me da uma lição de humildade e sabedoria.Quem me dera um dia poder trabalhar com ele …Eu ia observar cada passo, assim como faço com cenas de atores que gosto e gravo para tentar observar grandes jogadas de bons atores.Muito bonito o exemplo que esse homem passa ao mundo, que bom que é uma pessoa pública que consegue transmitir tanta coisa boa.Talvez em lugares públicos ele seja o último a perceber que é famoso.Tenho certeza disso.Grande ATOR.

  10. Festival de Berlim começa com recorde de filmes em competição protagonizados por mulheres

    http://oglobo.globo.com/cultura/festival-de-berlim-comeca-com-recorde-de-filmes-em-competicao-protagonizados-por-mulheres-7499895

  11. Aguinaldo,

    quando tiver um tempinho, veja que emocionante depoimento do cineasta Bernard Atall, francês radicado na Bahia, sobre a participação de Walmor Chagas em seu primeiro filme. Foi o ultimo filme de Walmor. Lindo demais.

    http://cadernodecinema.com.br/blog/procurando-walmor/

    P. S.: Fantástico! A Disney acertou mais uma vez nesse curta que está concorrendo ao Oscar 2013 de melhor animação em curta-metragem. Delicinha de roteiro.

    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=aTLySbGoMX0#!

    Um carnaval cheio de amor para todos. Té depois.~

  12. Quem nasceu pra essa nossa função, nunca perde a mão (ih, até rimou…rsrs). Belíssima entrevista do sempre jornalista Aguinaldo Silva. E Edson me cativou! Cheiro de sucesso no ar!!

  13. Adorei a entrevista! Show de bola!!!

    Também sou redator publicitário e sei exatamente o que o Edson Athayde está passando nesse processo de transição de profissão. Como é difícil largar a propaganda! Como ele, também quero deixar a carreira de publicitário pra me dedicar exclusivamente a de autor-roteirista. Quero é ao invés de escrever roteiros de apenas trinta segundos, criar roteiros de uma hora e meia, duas horas… Tanto pra TV quanto pra cinema. O que importa é ser livre pra usar a imaginação, coisa que na propaganda está em extinção.

    Ter ficado entre os 10 finalistas do I Concurso Nacional de Roteiros, foi uma gasolina que me abasteceu de esperança nessa minha nova profissão.

    Aguinaldo, to louco pra ir nessa mega festa do dia 15 de março, pra conhecer os outros nove vencedores e também te parabenizar pessoalmente por esse concurso de sucesso.

    Abraços,

    Bruno Gentil, autor-roteirista do”E Agora?”

  14. Não entendo nada de roteiro;mas achei interessante o vídeo!Eu assisti, só pra ouvir o Aguinaldo falar!
    Achei a entrevista super elegante, e o entrevistador tem uma voz bonita.È tão bom, ouvir pessoas que sabe das coisas.

  15. Olá Aguinado queridddoooo,
    Fiz hj o pagamento do DVD: \\\\\\\\"a arte de escrever novelas\\\\\\\\", e aguardo o recebimento do seu e-mail com o link para fazer o download do mesmo.

    Gostaria de Saber se você pretende realizar alguma oficina de roteirista ou conhece alguém que esteja fazendo ou fazer esse alguma oficina pra selecionar roteiristas…

    Espero que não demore muito para fazer o download do dvd, estou ansioso para aprender suas técnicas de roteiro e as aulas da masterclass, obrigado.

    ah, a entrevista está otima, adorei e parabéns para o campeão do I concurso de roteiros naciona, realizado pelo aguinaldosilvadigital.com.br

    Abraços,
    Hector Santiago

  16. Olá Aguinado queridddoooo,
    Fiz hj o pagamento do DVD: \\\\"a arte de escrever novelas\\\\", e aguardo o recebimento do seu e-mail com o link para fazer o download do mesmo.

    Gostaria de Saber se você pretende realizar alguma oficina de roteirista ou conhece alguém que esteja fazendo ou fazer esse alguma oficina pra selecionar roteiristas…

    Espero que não demore muito para fazer o download do dvd, estou ansioso para aprender suas técnicas de roteiro e as aulas da masterclass, obrigado.

    ah, a entrevista está otima, adorei e parabéns para o campeão do I concurso de roteiros naciona, realizado pelo aguinaldosilvadigital.com.br

    Abraços,
    Hector Santiago

  17. Olá Aguinado queridddoooo,
    Fiz hj o pagamento do DVD: \\"a arte de escrever novelas\\", e aguardo o recebimento do seu e-mail com o link para fazer o download do mesmo.

    Gostaria de Saber se você pretende realizar alguma oficina de roteirista ou conhece alguém que esteja fazendo ou fazer esse alguma oficina pra selecionar roteiristas…

    Espero que não demore muito para fazer o download do dvd, estou ansioso para aprender suas técnicas de roteiro e as aulas da masterclass, obrigado.

    ah, a entrevista está otima, adorei e parabéns para o campeão do I concurso de roteiros naciona, realizado pelo aguinaldosilvadigital.com.br

    Abraços,
    Hector Santiago

  18. Olá Aguinado queridddoooo,
    Fiz hj o pagamento do DVD: \"a arte de escrever novelas\", e aguardo o recebimento do seu e-mail com o link para fazer o download do mesmo.

    Gostaria de Saber se você pretende realizar alguma oficina de roteirista ou conhece alguém que esteja fazendo ou fazer esse alguma oficina pra selecionar roteiristas…

    Espero que não demore muito para fazer o download do dvd, estou ansioso para aprender suas técnicas de roteiro e as aulas da masterclass, obrigado.

    ah, a entrevista está otima, adorei e parabéns para o campeão do I concurso de roteiros naciona, realizado pelo aguinaldosilvadigital.com.br

    Abraços,
    Hector Santiago

  19. Olá Aguinado queridddoooo,
    Fiz hj o pagamento do DVD: “a arte de escrever novelas”, e aguardo o recebimento do seu e-mail com o link para fazer o download do mesmo.

    Gostaria de Saber se você pretende realizar alguma oficina de roteirista ou conhece alguém que esteja fazendo ou fazer esse alguma oficina pra selecionar roteiristas…

    Espero que não demore muito para fazer o download do dvd, estou ansioso para aprender suas técnicas de roteiro e as aulas da masterclass, obrigado.

    ah, a entrevista está otima, adorei e parabéns para o campeão do I concurso de roteiros naciona, realizado pelo aguinaldosilvadigital.com.br

    Abraços,
    Hector Santiago

  20. Boa tarde, portal.

    Que entrevista gostosa de assistir! Vou até dar uma opinião ao portal: acho que as entrevistas ao vivo ficam muito boas! Lembro que o Aguinaldo fez também uma entrevista com o Marcelo Serrado há algum tempo atrás e ficou muito boa. A Marília Gabi, o Jô, a Aninha Maria Braga e a Leda Nagle que se cuidem!

    Mas fiquei muito contente em saber que os 10 filmes finalistas do primeiro Concurso do portal poderão se transformar em telefilme através de uma emissora! Isso é muito bom, pois notei pela entrevista que é muito difícil produzir um filme devido a burocracia. Nota-se que as esferas governamentais pouco apoiam a cultura, que é o segmento que dá identidade a um país diante de outras nações.

    Ah, Aguinaldo te enviei um e-mail.

    Bye bye.

  21. Muito sucesso, Edson! (Minha vontade de te matar até passou!)
    Uma vez jornalista, sempre jornalista. Excelente entrevista! Dez a zero em uns e outros que tem espaço na mídia e não deixa o entrevistado falar…#ficaadicaaguinaldosilva
    Dez é pouco, vinte é bom e trinta é demais, ou seja, com trinta, a festa vai a-rra-sar! (Quatrocentos e sete é show na praia de Copacabana…) #ficaasegundadicaaguinaldo
    Mil bjs!

  22. Querido Maestro Aguinaldo,

    Nota 10 como entrevistador e uma das razoes é simples: você deixou o entrevistado falar. Isso é tão raro, que se nota logo, quando acontece.
    Uma outra conclusão: a sorte é um elemento que atua mais na vida de uns do que de outros. Mas a entrevista e a vitória do Edson mostram que, não sabendo nunca se ela vai nos escolher, o melhor é nos prepararmos, estudando, buscando o conhecimento e sempre estabelecendo boas relações.
    Foi o caso dele com colega espanhol com quem escreveu o roteiro vencedor.
    Para finalizar, repito o quanto acho admirável a sua iniciativa ao criar esse concurso. Num país onde a regra é o ” venha a nós”, seria bom que sua ação lançasse moda, ou ao menos, uma tendência. Mas, sabendo como a banda toca, tenho poucas esperanças.
    Parabéns aos dois: entrevistado e entrevistador.
    Ufa! Fui quase sucinta.

  23. Eita que eu não tive tempo de comentar antes!

    Adorei a entrevista, of course!

    Aguinaldo é tão bom escutar tuas risadas. Rir é importante, né não?

    Achei o entrevistado bem simpático.

    E Já tou aqui pensando que adoraria (todos aqui, óbvio) está presente nesse festão.

    By the way, a festa será no Rio, ou não?

  24. Parabéns para o Edson Athayde.
    E boa Entrevista Aguinaldo, descontraida. Já esta a altura da Marilia Gabriela. Só falta o blonde.- brincadeira. Parabéns.

  25. VOCÊS NÃO VÃO ACREDITAR!!!

    Adicionei Edson Athayde no facebook. Ele me aceitou e me retornou com uma mensagem…

    Sabe o que era?

    É que a família de Edson, tanto de pai, quanto de mãe, são de Muqui!

    Pasmem, quereeeeeeedos…

    Só Aguinaldo mesmo pra proporcionar estes contatos e estas coincidências da vida…

    Athayde ainda me disse que, durante a faculdade teve um amigo que era de Muqui, e que ficou numa república no Rio liderada por um estudante que vinha.. de Muqui….

    Não estou acreditando até agora…

    Cada vez mais comprovo a força e o potencial deste site em unir pessoas de bem e que possuem relações muito próximas e significativas. Muito bacana…

    Obrigado Aguinaldo, parabéns por esta iniciativa tão nobre que foi o concurso de roteiros…

    Parabéns ao Athayde pela seleção! Muito merecido por sua carreira de conquistas e amor pelo cinema.

    Vou tentar carregá-lo para o FECIM deste ano, que acontece em setembro. E você, Aguinaldo, desta vez também não me escapa…. A muquiranada toda quer te ver no Festival de TV e Cinema de Muqui edição 2013.

  26. Muito bacana a entrevista com o Edson Athayde. O Aguinaldo é natural, gosto disso num entrevistador.

    Aguinaldo,Lula Portugal,postei o Renan meu face.

    Abraços.

    Faltam 25 “curtir” para liberar minhas informações nos faces dos amigos. Quem puder ajudar, fico grato e o Brasil agradece.

    See you there!

  27. Sou um sujeito que constantemente estimula os outros a sair de onde estão e buscar uma experiência fora,uma experiência nova.

    A experiência fora não significa ir para o exterior,para fora do seu país nativo.

    Significa sair do seu mundo habitual de ‘trocas psíquicas’ e ir ao encontros de novas.

    Para crescer precisamos do outro.Precisamos trocar.Ninguém cresce sozinho.E uma troca (um aprendizado) ‘fora do habitual’ tem sempre o potencial de surpreender,é ou não é?

    Até mesmo aquele sujeito embriagado eternamente em sua ilusão narcísica,aquele que pensa que não precisa de ninguém,não avança sem o espelho (sem o outro).

    A insatisfação e a inquietude cutucam um compartimento interno da gente que nos impulsiona para o risco da mudança,da transformação e,quem sabe,do crescimento também.

    Wilfred Bion,considerado por muitos o terceiro gênio da psicanálise (após Freud e Melanie Klein),diz que dentro de nós habita um ser que suplica desesperadamente para nascer.

    Se esse ‘nascimento’ é possivel,o crescimento pode ser consequência.

    Todo esse lero lero foi pra dizer que deixei Rosário ainda menino ,com 13 anos,e fui estudar e viver em Santa Maria—->Pelotas—->Porto Alegre—>Sao Paulo—->Estados Unidos—>Porto Alegre—->Pampa Gaúcho (longo período)—–>São Paulo —->Porto Alegre.

    Em cada uma dessas estações um aprendizado,uma experiência,uma vida,uma história,um filme,uma alegria,uma dor.

    Porém, sob o ponto de vista ACADÊMICO,de aprendizado profissional,de conhecimento,nenhuma dessas paradas superou a experiência americana na UCSF,California.

    Fiquei lá quase um ano,era médico residente,mas meu status era de ”Visiting Scientist”.
    Em termos de atuação médica,minha temporada seria ”hands off”(sem tocar no paciente).

    Esse ”hands off” sutilmente foi passando para ”hands on”.

    O americano tem disso: percebe o esforço,o talento,começa a confiar em vc,brota o encantamento e… pronto!: abrem-se portas.

    Quando regressei ao Brasil era nítida e transparente,conflitante até,a diferença ‘técnica’ que havia entre eu e meus pares.

    Quando falo em pares,não me refiro aos colegas de residência da época. Refiro -me aos de cima: aos preceptores (médicos professores da residência) e aos Professores da faculdade.

    Muitos não haviam saído pra lado nenhum,a experiência deles era muito mais teórica do que prática,uma experiência regional,provinciana eu diria.

    Outros haviam saído pra fora do país pra fazer pesquisa em laboratório,em tubos de ensaio e não para trabalhar com ”hands on patients” (diretamente com o paciente,colocando a mão neles).

    É claro que estou falando nos idos de 1994/1995,portanto,há quase vinte anos.

    O que posso dizer que é a diferença na minha formação foi brutal.

    Não é por acaso que após longos 10 anos afastado da minha especialidade médica e de sua sub-especialidade (o transplante), conquistei a única vaga existente em um disputadíssimo concurso federal para trabalhar como médico assistente em um serviço de referência em transplante renal,em um hospital de excelência,ligado a uma tradicional faculdade de medicina.

    Meus colegas concorrentes no referido concurso nunca deram um tempo ou uma ‘pausinha’ de 10 anos como fiz.
    Eu disputei com essa galera estando dez anos atrás deles.

    As estações que desci durante a minha trajetória fizeram a diferença,sem sombra de dúvida,mas a estação americana fez muito mais.Isso eu não posso negar.Porque eles detinham,e detém ainda,o verdadeiro e maior conhecimento na minha área.

    Vale a pena sair.Se for para o exterior – e se esse tal exterior for referência na sua área de interesse – melhor!

    Isso é um pouquinho de mim,da minha pequenina história,dividindo com vocês.

    Parabéns Aguinaldo! Parabéns Edson Athayde! Sucesso sempre!

  28. Gostei muito da entrevista com o Edson, principalmente porque foi falado sobre essa nova lei da TV a cabo, além do fato de que os roteiros vencedores já despertaram atenção de uma TV podendo ser transformados em telefilmes.
    Essa é uma notícia maravilhosa, pois é um novo mercado que se abre para todos nós roteiristas.Óbvio que eu queria estar entre os cinco, dez selecionados neste concurso, mas, não deu dessa vez. Só que isso não significa que vou desistir do meu sonho. Acho que os sonhos só deixam de ser sonhos quando passamos a acreditar que um dia eles se tornarão realidade, por isso, acho que a experiência neste concurso foi válida. Torço para que haja uma segunda edição, mas separada por duas categorias: estreantes e profissionais.
    Parabéns, Edson!! Você se mostrou um cara humilde e a conquista não o deixou deslumbrado. Isso é o mais importante nesta profissão!

  29. Adorei a entrevista e dou aqui meus parabéns ao Edson pela vitória!

    Aguinaldo, muito bom o vídeo da entrevista. Tem mesmo a cara de um programa de TV fechada, como vejo na GNT, na Multishow etc..

    Continue, não pare neste! E sugiro até a criação de um canal no YouTube.

    PS: Já disse muitas vezes aqui, mas repito: também sou fanzaaaaço de “Mad Men”!

  30. Lindinho da jujuca,tu manda bem pela frente das câmeras também ehemmm? Manda bem em todas as posições… benzadeus..Esse meu pratedão de diamante puro é uma jóia rara nesse universo.
    Só faltou contar pro Brasil inteiro quem comia o Crozinho viuuuuu?
    Gostei desse moço que venceu o concurso,gostei do biotipo,adoro um fofinho meio gordinho,misturando português daqui com português de lá..aff dá tesão tendeuuuu?
    Como será ele falando inglês ehemmmm? Deve ser de um charme irresistivel …kkkkkkkkkkkkkk!!!
    Beijocas sem herpes lindão da Juju!

  31. Já tinha ouvido falar dele aqui em Portugal mas não sabia muito a seu respeito….
    O brasileiríssimo como cenário é showw.Gosto muito desse lugar!!!

  32. Ótima entrevista, dá para perceber que o roteiro feito pelo Edson Athayde é ótimo, pela dedicação e experiência que tem.
    E você Agnaldo, está mais do que de parabéns por ter esta iniciativa, rara no Brasil e além mar!

    Que venham os próximos!
    Abração e muito sucesso aos dois!

  33. Compartilho do comentário da Kátia!
    Adorei o vídeo com a entrevista e confesso que, no início de tudo, quando entrava aqui no blogão, era meio “Edson Athayde”. Só observava os comentários e as postagens, sem comentar. É engraçado e curioso perceber e saber que várias pessoas entram aqui, visualizam tudo, mas não comentam.

    Estou curioso para conhecer os roteiros vencedores e gostaria muitíssimo de participar da entrega dos prêmios, cobrindo para o Blogando. Será que rola Aguinaldo?

    Saudades de todos aqui, dos comentários e das postagens. Saudações ao mestre e aos confrades.

    Beijão e abração do Léo

  34. Parabéns ao Edson Athayde, pelo prêmio e por ser um batalhador nato.
    E ao Aguinaldo, que é um entrevistador bacana e foi/é admirável sua atitude de realizar o concurso. Sem contar na festança que será a entrega dos troféus. Haverá muitas guloseimas?

    Kátia – pensei nisso tb: tem gente que lê o que a gente escreve…rsrsrsr, bjo Kátia.

  35. Muito boa a entrevista. Como um dos 407 fico feliz em ver na pessoa do Edson alguém batalhador, alguém cujo o sucesso vem chegando através de muito trabalho e de muito correr atrás. Mais uma vez obrigado ao Aguinaldo e equipe por esta oportunidade ímpar. Que venha o Segundo Concurso de Roteiros, já estou pronto para enviar mais um.

  36. AGUINALDO QueridOOOOOO,
    Entrevista interessantissima e Edson cumpriu em todos os aspectos. Estou de acordo com Lula Portugal Jr., ele é uma pessoa inquieta e está sempre querendo mais. A sua busca não tem fim. Há muito que conheço seus trabalhos de publicidade e acho que ele é muito talentoso. Que bom ter ganho seu Concurso. O cara merece!
    Abraço carinhoso e temos aqui um entrevistador “à maneira”, como dizem em Portugal.
    Magdalena

  37. 00:31 hrs

    Aguinaldo,parabens cara!!! Fantastica a entrevista!

    Amanha venho comentar com mais calma.

    O Edson Athayde falou do curso em Los Angeles e deu pra perceber que fez muita diferenca na formacao dele,um cursos `hands on`( com a mao na massa,traducao livre minha).

    Por acaso foi na New York Film Academy sediada nos Universal Studios em Los Angeles?

    Pelo que sei eh uma puta escola,uma puta experiencia,um tremendo aprendizado.

    Amanha falo com mais calma da minha experiencia em San Francisco como medico residente.Fez uma brutal diferenca quando voltei.

    Voltei e nao voltei…Pois de uma formacao fantastica em SF tive que ir aos pampas cumprir uma missao familiar.

    Ah,os Pampas…sempre os pampas.

  38. Quanto à filmagem da entrevista, adorei-a! É realmente algo que o ASD deveria fazer com mais frequência. Aguinaldo mostrou que o seu talento, definitivamente, não existe apenas por trás das câmeras!

  39. Quanto à filmagem da entrevista, adorei-a! É realmente algo que o ASD deveria fazer com mais frequência. Aguinaldo mostrou que o seu talento, definitivamente, não existe apenas por trás das câmeras.

  40. Aguinaldo, adorei a entrevista com o Edson. Que sujeito simpático, humilde e ilustrado. Não deixa de ser consolador para todos os seus concorrentes no certame (eu entre eles) saber que fomos preteridos por alguém desse quilate. Particularmente, achei bastante interessante o fato de ele ser um publicitário consagrado, que agora está se lançando na seara do roteiro. Afinal, embora eu hoje atue como roteirista, sabedor das dificuldades desse mercado que sou, tenho a redação publicitária como uma espécie de “plano b”. Não sei se os obtentores de “menção honrosa” participarão da entrega; de todo modo, no caso da tal emissora ter interesse em ler os dez roteiros finalistas, fica aqui autorizada a leitura do meu. Um grande abraço e, mais uma vez, parabéns e obrigado pelo altruísmo dessa sua atuação como mecenas dos roteiristas brasileiros (e também portugueses e espanhóis, rs).

  41. Antes de saber quem era o vencedor, imaginava que era um sortudo, talvez inexperiente, mas vejo que não, já tem uma bagagem imensa.

  42. Maravilha. Amei. É uma entrevista que te prende do início ao fim. A cada palavra seus ouvidos vão grudando na tela do computador, e a curiosidade, a emoção (sobretudo, daqueles que participaram deste concurso) grudando na alma. A conversa de Aguinaldo com Edson gira em torno, sobretudo, das atividades do vencedor do I Concurso de Roteiros ASD. Ao responder as perguntas feitas por Aguinaldo, Edson nos dá uma visão da sua inquietude na sua produção artística, onde os escritos por ele realizados emergem como uma realidade física, vital, e de busca incessante, ou seja, algo muito maior que um conjunto de regras e procedimentos inerentes a sua própria construção. ~

  43. Adorei!!!!! Parabéns ao Edson Athayde e muito sucesso (ai que vergonha, o povo lê a gente tão escondinho aqui, risos)!!!! Parabéns novamente, Aguinaldo, por dar oportunidades sempre! Lindo de ver!

    A entrevista tá maravilhosa, o entrevistador arrasou (como sempre) e o entrevistado é muito simpático. Nem senti o tempo passar, AMEI!!!!

    Curiosíssima com o roteiro (que deve ser do Caraças, como diria o Aguinaldo), tomara que seja filmado, tou na torcida!!!!!

    Adorei a idéia do troféu, muito chic e tenho certeza que será lindo! A logo do site tá muito linda em dourado tb!

    Beijos!!!!!

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Security Code: